Art Nouveau

Art Nouveau, do francês, (traduzindo Arte Nova), um estilo estético, que surge no final do século XIX e inicio do século XX, influenciou o mundo das artes plásticas, mas teve sua maior enfase no desing e na Arquitetura, tambem ligada com o movimento arts & crafts. Na Europa acontece a 2ª Revolução Industrial, com o aperfeisoamento do manuseio do ferro e do vidro, o movimento aplica esses materiais em obras de arquitetura. Ainda na Inglaterra o movimento era conhedido como moden style ou Flowe art, na Itália Stile Liberty, Stile floreale ou Stile Inglese, ja para os alemães era Jugendstil, em Portugal simplesmente Arte Nova, na Espanha Modernismo, na Áustria o Sezessionstill e o Wiener Sezession, na Bélgica recebeu os nomes de Pling Stijl ou Style Nouille .

……

Na frança o nome surgiu em paris (capital internacional do movimento), devido a uma loja que tinha o nome de Art nouveau, no começo a loja comercializava gravuras japonesas. Essas gravuras exercem grande influencia sobre esse novo estilo de arte para a epoca. O proprietário criou espaços para uma exposição permanente de tudo o que se relacionava com o Art Nouveau e também para a comercialização de obras e objetos de mobiliário, que ele já vendia e que também seguiam o estilo (tanto dos melhores artistas franceses quanto de estrangeiros).

Vitral

As caracteristicas Principais do novo movimento são; formas orgânicas, escapismo para a natureza, valorização para o trabalho artezanal e ligação lireta com o movimento simbolista. Influência sofridas pelo estilo, podem ser citadas, além da arte japonesa, o movimento Arts and Crafts, o movimento Pré-Rafaelita, o Historicismo do Romantismo e do Barroco, o Revivalismo Gótico e Celta, o ideal wagneriano, a poesia simbolista de Mallarmé. Com muitas curvas, sempre com muita natureza e mulheres, assim mostrando leveza e curvas que são harmoniosas e belas. O movimento teve uma curta duração, surgiu por volta de 1880, teve seu apogeu em 1900 e seu declínio por volta de 1910, mas seu estilo perdurou ate a 1º guerra mundial, em 1960, ouve uma tentativa de reviver o movimento, mas sem muito sucesso.  Com a entrada de um novo século, e novas tendências, que surgiam a toda hora, sua popularidade foi de perdendo, com a evolução das maquinas, e tendências para a cultura de massas e com a padronização industrial, que acabava refletindo na arte, o movimento foi desaparecendo, devido a sua estética ser dificilmente adaptada para produção em serie, surge ai o Art Deco.

Antoni Gaudí (1852-1926)

O prédio da foto foi projetado por Antonio Gaudí. Símbolo da cidade de Barcelona, esse arquiteto – ligado às novas concepções plásticas do modernismo catalão (variante local do Art Nouveau), cujos trabalhos têm forte influência de Eugene Viollet-le-Duc -, foi o responsável por um resgate das formas góticas da arquitetura em seu país. Duas de suas mais conhecidas obras são a Casa Milà (1905 -1907 ), a a catedral chamada Sagrada Família, obras que desafiam a arquitetura convencional por não possuir linhas retas, e que já foram consideradas feias e sem preocupação com a utilidade, mas que hoje em dia são consideradas magníficas, pontos turísticos e marcos históricos da cidade. Existem várias percepções quanto à sua forma: uns dizem lembrar ondas de lava, outros colméias de abelha e assim por diante.

Art Nouveau no Brasil

São Paulo o artista Eliseu Visconti, pioneiro do design do pais. A foto do Viaduto Sta. Efigênia, em São Paulo que tem características deste estilo, também conhecido como estilo floral. Observam-se leituras e apropriações de aspectos do estilo art nouveau na arquitetura e na pintura decorativa.

Em sintonia com o boom da borracha, 1850/1910, as cidades de Belém e Manaus assistem à incorporação de elementos do art nouveau, seja na residência de Antonio Faciola (decorada com peças de Gallé e outros artesãos franceses) seja naquela construída por Victor Maria da Silva, ambas em Belém. Menos que um art nouveau típico, o estilo na região encontra-se mesclado às representações da natureza e do homem amazônicos, e aos grafismos da arte marajoara, como indicam as peças decorativas de Theodoro Braga (1872-1953) e os trabalhos do português Correia Dias (1893 – 1935).  A casa de Braga em São Paulo, 1937, exemplifica as confluências entre o art nouveau e os motivos marajoaras.

A Vila Penteado, prédio atualmente pertencente à Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo – FAU/USP -, na rua Maranhão, é considerada um dos mais representativos exemplares de art nouveau em São Paulo.

 Projetada pelo arquiteto Carlos Ekman (1866 – 1940), em 1902, a residência segue o padrão menos rebuscado do estilo sezession austríaco. Na fachada externa, nota-se o discreto emprego de arabescos e formas florais. No monumental hall de entrada, pinturas de Carlo de Servi (1871 – 1947), Oscar Pereira da Silva (1867 – 1939) e ornamentação de Paciulli. Victor Dubugras (1868 – 1933) é outro arquiteto notável pelas construções art nouveau que projeta na cidade, por exemplo, a casa da rua Marquês de Itu, número 80, ou a residência do doutor Horácio Sabino na avenida Paulista esquina com a rua Augusta, ou ainda a estação de ferro de Mairinque, São Paulo, 1906. No modernismo de 1922, os nomes dos artistas decoradores John Graz (1891 – 1980) e dos irmãos Regina Graz (1897 – 1973) e Antonio Gomide (1895 – 1967), todos alunos de Ferdinand Hodler, evidenciam influências do art nouveau no Brasil. No campo das artes gráficas, alguns trabalhos de Di Cavalcanti (1897 – 1976) – Projeto para Cartaz (Carnaval), s.d. e de J. Carlos (1884 – 1950) – por exemplo, as aquarelas Um Suicídio, 1914, e Garota na Onda, s.d. – se beneficiam do vocabulário formal da “arte nova”. No rio de Janeiro a Confeitaria Colombo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: